quarta-feira, 12 de dezembro de 2018

De 10 a 16 de dezembro


Esta semana estamos sob as bênçãos da Deusa Andraste, a invencível Deusa Celta das batalhas, que está representada na carta do 6 de paus. As frases que a definem são as seguintes: “Glorifica o meu nome. Chama-me para a batalha. Eu lutarei a teu lado com bravura e coragem”.

Novo caminhos e novas batalhas se aproxima, mas de uma forma positiva. Após uma fase conturbada de altos e baixos, outros caminhos surgem de forma mais clara, abrindo espaço para o novo e para que possa abraçar outros desafios. 

Conselho: aproveite esta fase para se preparar psicologicamente para o que está para vir. Siga a sua intuição, tente descansar e planear um pouco o futuro, para que possa então agir no momento certo quando lhe for solicitado, o que estará para breve.

domingo, 2 de dezembro de 2018

De 3 a 9 de Dezembro


Esta semana estamos sob as bênçãos das Deusas Hemera e Nyx, as Deusas Gregas do Sol e da Lua, representadas na carta de 2 de ouros. As frases que definem são as seguintes: “Sol e lua, luz e escuridão, somos diferentes e tão semelhantes, somos a eternidade e o infinito. Nós somos as equilibristas perfeitas da abóbada do céu.”

Esta será uma semana de equilíbrio. Podem haver algumas situações mais densas e mais desagradáveis, mas apenas irão surgir com o intuito de vir ao de cima para que possam ser limpas e libertas. Nem tudo será mau, outros momentos irão acabar por compensar todo o tumulto.

Conselho: não lute contra as situações, simplesmente aceite-as e deixe-as acontecer. Deixe-se ir na corrente, tentando atenuar os momentos baixos que possa ter, sobretudo se estiverem relacionados com dinheiro ou saúde.

domingo, 25 de novembro de 2018

De 26 de Novembro a 2 de Dezembro


Esta semana estamos sob as bênçãos da Deusa Blodewedd, Deusa astuta e vaidosa de Gales, representada na carta do 7 de espadas. A frase que a define é a seguinte: “Meu rosto esplêndido, delicado como uma flor, deslumbra e engana. Meu sorriso esconde apenas a falsidade, a deslealdade e a traição.”

Poderá perceber ao longo desta semana que está a usar máscaras ou subterfúgios para esconder algo que vai dentro de si, algo que possa ter vergonha ou medo de assumir, preferindo reprimir e esconder, alimentado o seu ego e aparência para tentar sentir-se melhor consigo mesmo. 

Conselho: o primeiro passo para conseguirmos libertar determinados bloqueios ou superar obstáculos é tomarmos consciência deles mesmos e das nossas limitações. Esta semana terá a oportunidade de o fazer, de se aceitar como é, de aprofundar um pouco mais o seu lado mais negro, abraçando-o e perdoando-se por isso.

De 10 a 16 de dezembro

Esta semana estamos sob as bênçãos da Deusa Andraste , a invencível Deusa Celta das batalhas, que está representada na carta do 6 de ...