quarta-feira, 31 de julho de 2013

Lammas

Foto retirada do site 
A celebração de Lammas, também conhecida por Lughnasadh celebra-se a 1 de Agosto no Hemisfério Norte (alguns autores celebram-no no dia 2)/ 2 de Fevereiro no Hemisfério Sul. Esta é a celebração das primeiras colheitas, quando a terra começa a dar-nos os seus primeiros frutos e recebemos aquilo que plantámos no início do ano. É usual fazer-se piqueniques com bolos e doces de frutos da época e começamos a preparar-nos para o Outono. 


É o Sabbat dedicado à família e era costumo realizarem-se casamentos provisórios com duração de um ano. Se posteriormente o casal decidisse continuar casado então oficializavam a sua união. Era também nesta altura que se contratavam os trabalhadores sazonais para as colheitas e se realizavam as feiras para venda de gado.Começa-se a sentir um certo pesar, uma vez que o Deus já não é o jovem de outrora e começamos a ponderar no significado da morte. 

Foto retirada do site 


Para assinalar esta altura do ano deverá realizar tarefas que associa a transformação. Assim como a "morte" do milho se torna em pão, deverá sentir essa evolução na sua vida. Como tal faça uma pão ou um bolo de Lammas, vá para os campos observar os frutos e as colheitas. Leve a família nesta celebração uma vez que é uma época dedicada à família e faça um piquenique em conjunto. 

segunda-feira, 29 de julho de 2013

De 29 de Julho a 4 de Agosto

A carta da semana é VII – O Carro, representada pela DeusaEos, Deusa Grega do amanhecer. As frases que a definem são as seguintes: “Sobe até ao meu carro. Eu levar-te-ei para longe das trevas e iluminar-te-ei o caminho. Uma noite escura termina, começa um dia brilhante.”

Esta semana iremos ter uma energia de mudança para melhor. Esta carta representa a alvorada, onde deixamos para trás a escuridão da noite e damos de caras com a luz do dia radioso. Será uma semana propícia para sair de situações de conflito ou problemas.

Conselho: esta semana mexa-se, mantenha-se em movimento. Com esta energia de mudança é fundamental que se mantenha activo para que o Universo possa colaborar consigo, só assim irá criar as oportunidades necessárias para alcançar os seus objectivos e se libertar de situações mais negativas. 

segunda-feira, 22 de julho de 2013

De 22 a 28 de Julho

A carta da semana é a rainha de espadas, representada pela Deusa Tara, a estrela hindu com duas faces. As frases que a definem são as seguintes: "Eu sou pérfida e cruel. Sou compreensiva e benevolente. Ninguém sabe, excepto eu, qual das duas caras te estou a mostrar neste momento".


Esta semana tenha cuidado com as aparência. Como dizia o ditado: "nem tudo é o que parece". Ainda assim, mesmo que seja ingénuo e se deixe levar pela aparência da situação, será uma aprendizagem para si e irá perceber que estava errado quando a máscara cair.



Conselho: não seja demasiado pessimista procurando apenas o mal nas pessoas, nem demasiado ingénuo acreditando que tudo é um mar de rosas. Deixa as coisas acontecerem por si sem tomar ainda uma opinião definitiva. No final a verdade virá ao de cima.

quinta-feira, 18 de julho de 2013

Deusa Acca Larentia

Foto retirada do site
Acca Larentia é uma Deusa do panteão romano. Existem muitas lendas associadas a ela, assim como também é conhecida por vários nomes diferentes. Numa das lendas, ela é vista como a mãe de acolhimento de Rómulo e Rémulo, noutra como uma linda prostituta que ganha uma grande fortuna. No entanto é normalmente representada como uma Deusa maternal, protectora dos lares e da fertilidade. Como protectora das famílias é também uma Deusa do Submundo que olha pelos antepassados amados. Como Deusa da fertilidade está encarregue não só da fertilidade feminina, mas também da fertilidade dos campos e boa saúde dos rebanhos, da nutrição e ainda dos mistérios lunares. 

segunda-feira, 15 de julho de 2013

De 15 a 21 de Julho

A carta da semana é o 6 de ouros, representada pela DeusaAcca Larentia, divindade romana. As frases que a definem são as seguintes: “Vinde a mim, vinde todos vós. Estende a tua mão, leva estas moedas. A minha riqueza agora é tua.”

Esta carta mostra-nos uma mudança radical comparada com a carta passada. Se na semana passada passávamos um momento de privação, nesta semana temos a possibilidade de entrega e de esbanjar. É hora de partilhar o que tem com os demais.

Conselho: esta semana permita-se uma pausa e não aperte demasiado as suas economias. Partilhe com quem está à sua volta, verá que se sentirá muito mais leve e feliz. Afinal tudo o que fazemos regressa a nós a triplicar, logo não seja mão de vaca e partilhe os seus bens e sentimentos com quem ama. 

quinta-feira, 11 de julho de 2013

Deusa Hel

imagem retirada do link

A Deusa Hel, também conhecida por Hela, é uma Deusa do panteão nórdico. Filha do Deus Loki e da gigante Angurboda, irmã da serpente do oceano Midgard, que rodeia toda a Terra e do devorador Fenris-lobo. Ela é conhecida como a Deusa do submundo, ou Deusa do reino dos mortos. No entanto esse reino não é considerado com um lugar de castigo eterno. Ela recebe todas as almas que morreram por doença ou velhice. O seu reino é lugar frio e escuro, onde miséria, preocupação e sofrimento são algumas das formas de o caracterizar.


Esta Deusa é representada por uma linda mulher, mas metade do seu rosto é negro, como um cadáver em decomposição. Isso reflecte também o equilíbrio da sua personalidade, ela nem é cruel nem misericordiosa, mas sim justa com todas as almas que chegam até ela. 

domingo, 7 de julho de 2013

De 8 a 14 Julho

A carta da semana é o 5 de ouros, representada pela Deusa Hel, governadora Escandinava do reino dos mortos. As frases que a define são as seguintes: “ O meu reino é frio e escuro e é um lugar de castigo eterno. Só privação, pobreza, fome e miséria. Não tenho mais nada para te oferecer.”

Continuamos com um 5 e deste modo a energia continua dentro do mesmo padrão. As cartas 5 são sempre de alguns problemas e sentimentos menos nobres e esta carta não é excepção. Esta semana continuamos com desilusão e sentimento de que aquilo que temos é muito pouco comparado com o esforço desempenhado.

Conselho: por vezes gostaríamos de dar mais mas não conseguimos. É o que acontece esta semana. No entanto não desespere, faça uma breve análise do porquê desta sensação e não force nada. Não dê aquilo que não tem, deixe passar estes momentos que melhores dias virão.  

sábado, 6 de julho de 2013

Junho

O tema deste mês é o vermelho e o verde. O Solstício de Verão iniciou-se recentemente, sendo o elemento fogo o seu representante e daí o porque do vermelho. Para o representar tenho três fotos de um pôr de sol espantoso. O verde corresponde às folhas das árvores que nesta altura do ano estão bem compostas e verdejantes. Para o representar tenho 3 fotos de um parque maravilhoso perto do local onde moro.